Skip to content

Cúrcuma

Se procurar na internet vai achar vários nomes pra mesma planta: cúrcuma, açafrão da terra, açafrão da índia e por aí vai. Se procurar vai encontrar e entender os benefícios e as particularidades da planta. Há certa confusão com a raiz da cúrcuma e o açafrão: pesquisando você vai perceber e apontar as diferenças.

Cúrcuma é da família do gengibre, os seus rizomas parecem aos do gengibre. A coloração de um amarelo intenso. As flores as folhas e os rizomas podem ser usados na alimentação, nos chás e até uso externo.

A cúrcuma serve para o tratamento de problemas digestivos, como falta de apetite, indigestão ou acidez gástrica, problemas do fígado e da vesícula biliar, artrite, reumatismo, eczema, asma e psoríase. Além disso, a cúrcuma pode ser utilizada para diminuir os níveis de colesterol no sangue, inibir a formação de coágulos e aliviar os sintomas de tensão pré-menstrual.

As principais propriedades da cúrcuma são a sua ação anti-inflamatória, antioxidante, antibacteriana e digestiva.

As folhas podem ser usadas in natura, nos temperos e nos chás.

As flores podem ser consumidas como salada e são tão lindas que fazem bem até pros olhos. Não canso de admirar.

CAM00656 CAM00658

CAM00792 (1) CAM00793 CAM00794

A raiz / os rizomas podem ser usados como o gengibre in natura. O gosto é picante. Pode ser fatiado, seco e triturado no liquidificador resultando um pó de coloração amarela. Deve ser usado na dosagem de uma colher de café por dia.

O cultivo é muito fácil e a utilização na culinária ou como cura também é fácil: com uma lista imensa de benefícios. Não deve ser usado por gestante, hipertensos e pessoas com cálculos biliares.

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: